Lançamento do livro Cidades Inteligentes: Por que, Para quem?

Com lançamento marcado para o dia 1º de setembro, “Cidades Inteligentes: Por Que, Para Quem?”, livro organizado por Lucia Santaella, conta com ensaios de pesquisadores da PUC-SP, especialmente do grupo de pesquisa Sociotramas.

Entre os primeiros livros sobre o tema no Brasil, o problema da inteligência urbana é trabalhado na publicação sob vários pontos de vista endereçados prioritariamente às implicações humanas.

Sinopse:

“Cidades inteligentes”, em inglês, “smart cities”, tornou-se um dos grandes temas do momento em quase todos os países do mundo. O conceito pode ser entendido como sinônimo de cidade sustentável, verde, vivenciável. Mas o denominador comum das cidades inteligentes encontra-se no acesso a tecnologias e a dados capazes de conectar pessoas e conhecimento que possam levar a mudanças. Isso envolve o uso estratégico de tecnologias novas e avançadas na busca de soluções que liguem os cidadãos e as tecnologias urbanas em uma plataforma comum. Já existem vários exemplos de projetos de cidades inteligentes e eles demonstram que as mídias sociais, os mercados informacionais e a internet das coisas podem dar suporte a objetivos como bem-estar urbano, mobilidade social e resiliência da infraestrutura. Tanto o tema quanto os projetos que o levam à frente estão ainda em estado de experimentação, o que justifica que comecemos a refletir sobre isso para que possamos nos posicionar e mesmo nos engajar em iniciativas práticas em prol do desenvolvimento da inteligência urbana. Este livro pretende colaborar com isso. – Lucia Santaella

Lançamento do livro “Cidades Inteligentes: Por Que, Para Quem?”
Data: 1º de setembro de 2016
Local: Casa Semio
Endereço: Rua Vanderlei, 290 — Perdizes — São Paulo
Horário: a partir das 19h
Entrada gratuita

Confira as fotos do lançamento do livro:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios